Maldosa

Maldosa

Maldosa

Enquanto vivo sorrindo
Chorando vivo tão só
Dos prantos que está caindo
Tu não tem pena, tu não tem dó

Mardosa, como é mardosa
Só farsidade que tem no coração
Mardosa, como é mardosa
Sente prazer em fazer ingratidão

Adeus, oh! Sertaneja
Bem cedo eu vou partí
Não quero que ninguém veja
Meus olhos chorar por ti

Mardosa, como é mardosa
Só farsidade que tem no coração
Mardosa, como é mardosa
Sente prazer em fazer ingratidão

Se um dia vier o fracasso
Pintando o teu orgulho
Não vorto para seus braços
Não vorto, isso eu te juro

Mardosa, como é mardosa
Só farsidade que tem no coração
Mardosa, como é mardosa
Sente prazer em fazer ingratidão

Comentários