Bom e Bêbado

Bom e Bêbado

Bom e Bêbado

Copo vazio é oficina de saudade
Meu nível de esquecimento nem chegou na metade
Cada ida e cada volta, o meu copo até a boca
Está escapando de você gota por gota

Tentando colocar meu coração no eixo
Do nada na balada você, em outro beijo
Esfregando na minha cara que já me superou
E com classe ainda pergunta como é que eu estou

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tava bom mas agora eu só estou bêbado

Copo vazio é oficina de saudade
Meu nível de esquecimento nem chegou na metade
Cada ida e cada volta, o meu copo até a boca
Está escapando de você gota por gota

Tentando colocar meu coração no eixo
Do nada na balada você, em outro beijo
Esfregando na minha cara que já me superou
E com classe ainda pergunta como é que eu estou

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tava bom mas agora eu só estou bêbado

Copo vazio é oficina de saudade
Meu nível de esquecimento nem chegou na metade
Cada ida e cada volta, o meu copo até a boca
Está escapando de você gota por gota

Tentando colocar meu coração no eixo
Do nada na balada você, em outro beijo
Esfregando na minha cara que já me superou
E com classe ainda pergunta como é que eu estou

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tô bom e bêbado
Tô me adaptando sem o seu amor
Mas pensando bem, tô nada
Te ver me faz querer entrar dentro dessas garrafas

Tava bom mas agora eu só estou bêbado

Comentários