Na Frente

Na Frente

Na Frente

Tá tudo bem
Se você se perdeu no meio
Dessa escuridão só cuidado
Agora não tem mais pra quem dar

As mãos suadas
Com medo do que vem na frente
Com medo do que é diferente
Só continue andando por favor

Tome cuidado
Com o nariz que está gigante
E cresce mais a cada instante
No escuro um joelho pode achar

Mas facilmente
Parede não tem dó de gente
Só quebrando a cara a gente aprende
A sempre por a mão
Na frente

Seria prudente
Pra que não fiques mais doente
Ter um plano pro que vem na frente
O muro as vezes aparece tão
De repente
Por querer te quebra um dente
É melhor deixar no pente
Um segundo plano pra andar

Mas facilmente
Parede não tem dó de gente
Só quebrando a cara a gente aprende
A sempre por a mão
Na frente

Seria prudente
Pra que não fiques mais doente
Ter um plano pro que vem na frente
O muro as vezes aparece, então

Tome cuidado
Com o nariz que está gigante
E cresce mais a cada instante
No escuro um joelho pode achar

Mas facilmente
Parede não tem dó de gente
Só quebrando a cara a gente aprende
A sempre por a mão
Na frente

Comentários