[Intro]
Minha terra tinha palmeiras, onde cantava o sabiá
Hoje o sabiá já não canta como costumava cantar
Nosso céu tinha estrelas, nossas várzeas tinham flores
Hoje os bosques não têm vida, eles queimaram nossas cores
Em cismar sozinho à noite, acho motivos pra chorar
Porque minha terra não tem palmeiras, muito menos sabiá
Não permita, Deus, que eu morra vendo minha terra queimar
Sem que eu lute horrores pra fazer isso mudar
O ser humano é egoísta e preferiu dinheiro
Do que palmeiras pro sabiá cantar
Espero que seja o último Brasil de Quem, viu?
Porque se eu tô fazendo essa música é porque o país tá uma merda e você se engana achando que o país tá uma merda agora
O país tá uma merda há mais de duas década, parceiro, acorda

[Verso]
Yo, Brasil, 2019, o ano da mudança
Só que mudamos pra pior graças à ganância
Como se corrupção não bastasse agora
Querem queimar nossa floresta pra que o rico se abasteça
Basta, cresça, crie consciência vasta
Veja, o mundo é um organismo em existência
Ou seja, sempre que tiramos do planeta
Na verdade só quem perde é a nossa sobrevivência
Burrice virando novo lema do estado
E o povo segue se matando por sustento
E o Brasil não passa de uma piada lá fora
O Brasil não passa de uma tragédia aqui dentro
Nosso país sempre adorou queimadas
Queimaram famílias, índios, negros, revolucionários
Queimaram florestas e arquivos
Eu não gosto de fogo, mas imagina se um dia pega fogo no Senado
A mata queima e eles tão calados
Dessa vez a ganância perdeu o trilho
O mundo todo vai tomar no **
Infelizmente, isso não é um trocadilho
“Oh, Sid, qual o problema? Deixa ele queimar a floresta
Pro empresário criar gado e poder exportar pra gringa
O empresário ganha grana, nós continua com fome
E o governo vai dizer que melhorou a economia”
A economia de quem?
De quem precisa ou de quem já tem?
Ahn, o Brasil é de quem?
Dos poucos que têm muito ou dos muitos tratados como ninguém?
Mais de mil espécies em risco de extinção
E a Amazônia queima
Os índios perdendo a terra onde vivem
E a Amazônia queima
O aquecimento global estourando
E a Amazônia queima
O mundo implorando por mudança
E o ser humano teima
Por que o governo discorda do INPE?
Por que que o Ricardo Galvão foi demitido?
Por que que o governo discorda do IBGE?
Se tu pensar um pouquinho, tu vai ver sentido
Vivemos uma guerra de partidos
Onde a mentira compra o voto do desinformado
Acusações sem provas do governo
Servem pra enfraquecer os órgãos que discordam do estado (Agora tá explicado)
Uma parte do país anda em chamas
E os culpados pelo incêndio nas Bahamas
Hoje o peixe que nós come tem metal
E o avião em que eles voam tem escamas
Estranho, né? O país todo ao contrário
O ensino continua sendo hilário, saúde precária
O estado tá sugando teu salário
Brasileiro anda sendo sinônimo de otário
Os deuses são bons, mas eles têm um senso de humor cruel
Porque foi logo no momento do Messias que em Jerusalém escureceu o céu

[Saída]
Só no Brasil mesmo, viu?
Tragédia em Brumadinho e Mariana
As carnes com papelão e os rios com lama
Feminicídio aumentando sem parar, racismo e homofobia na TV
Corte nas verbas audiovisuais LGBT
Corte nas verbas de proteção ambiental
Corte nas verbas de faculdade federal
Promessas de melhoria com nome cria descaso com a situação social
Inacreditável
Vemos o aumento do desmatamento e das queimadas dos estados do Maranhão, Tocantins, Amapá, Amazonas, Acre, Rondônia e Roraima
Vemos descaso com a natureza e com o próximo
E eu me pergunto se ainda dá tempo de mudar
Os grandes empresários saem lucrando com a morte de milhares de espécies de plantas e animais
Manifestantes seguem protestando e sendo agredidos por policiais
Os países da Europa tão se preocupando mais com a nossa situação do que nós mesmos
Ó Deus, é isso que significa ser brasileiro?
Eu sempre me pergunto
No final das contas, Brasil de quem?
Brasil de quem?

Comentários