Metade do Ano Que Vem

Metade do Ano Que Vem

,

Metade do Ano Que Vem

Entra sai dessa calçada o tempo fechou
Ta caindo um pé d’água
Mais só tenta não me olhar com essa cara
Que pode não dar tempo nem ”deu” buscar a toalha
Eu já sei que não tem ninguém fazendo fila pra falar que te ama
E você sabe bem que não tem ninguém disputando no tapa
Um lugar na minha cama

Vamos ficar junto de novo ”cê” não tem motivos pra ir
Olha que clima gostoso aproveita e se esquenta em mim
Vamos ficar junto de novo ”cê” ainda me ama que eu sei
Posso ta exagerando um pouco mais tomara que chova
Até na metade do ano que vem.

Comentários