Enquete

Letra Enquete

Eu fiz uma enquete
No stories do instagram
É sim ou não
Acabei de postar e que comece a votação
Todo mundo sabe
Que a gente tá separado
Será que é amor?
Ou estamos enganados?
Desculpe eu ter te acordado
Não consigo dormir
Sem te contar o resultado
Que a gente tem que voltar?
Sim sim
Terminar toda vez que brigar?
Não não
100% pra você e eu
Olha o tempo que a gente perdeu
A voz do povo é a voz de deus
Que a gente tem que voltar?
Sim sim
Terminar toda vez que brigar?
Não não
100% pra você e eu
Olha o tempo que a gente perdeu
A voz do povo é a voz de deus.

Outras letras de Joao Neto e Frederico

Letra Só Esquece Quem Tenta

Coração queria esperar um tempo
Mas a carência é traiçoeira
Atiça a fazer besteira
Ainda sinto saudade desse seu abraço
Mas foi no outro que eu acordei
Se eu me arrependi eu não sei
Não foi igual ao seu
Mas gostei

Letra completa

Letra Joia Na Calcinha

A última palavra aqui de casa
É sempre minha
Sim senhora, já tô indo
Calma vida

Letra completa

Letra Fantoche

Te esquecer da noite pro dia
Vai levar anos
Com a razão falando: Nunca
E o coração: Te amo

Letra completa

Letra Garrafa Voa

Tá tomando banho de porta trancada
Vestindo sua roupa embaixo da toalha
Na hora do beijo cê nem põe a língua
Sua respiração tem som de despedida

Letra completa

Letra Vacilão

Eu não nasci pregado em você
Te superar era só uma fase
Um detalhe

Letra completa

Letra São Elas

O homem é a cabeça da casa
Mas a mulher é o pescoço
E se ela balançar assim
‘hum hum’

Letra completa

Letra Currículo

E pro meu azar
Fui me apaixonar
Por alguém que ainda ama
Por outra pessoa
Fui laranja nessa relação

Letra completa

Letra É Bater o Olho

Mostra interesse pra ver
Se eu não largo tudo
Pra me decepcionar com você
Eu já te superei
Mas nem preciso insistir muito
Eu topo, a gente ficar outra vez

Letra completa

Letra Vontade de Não Prestar

Oh, vontade de não prestar
Tá difícil demais namorar
De dar um perdido, beijar escondido
Você não sabe a vontade que dá

Letra completa

Letra Não Tem Tu, Vai Tu Mesmo

É porta na cara, é telefone que ela não atende
E eu trouxa, implorando: volta!
E ela não se rende.
Aí sou obrigado a pegar a primeira boca que quer
molhar meus lábios
Aí sou obrigado a tirar a roupa do primeiro corpo
que entra no meu quarto
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Quando tu voltar para mim, eu endireito.
É porta na cara, é telefone que ela não atende
E eu trouxa, implorando: volta!
E ela não se rende.
Aí sou obrigado a pegar a primeira boca que quer
molhar meus lábios
Aí sou obrigado a tirar a roupa do primeiro corpo
que entra no meu quarto
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo
Amor, pra mim agora é desse jeito
Não tem tu, vai tu mesmo

Letra completa

Comentários