Escravo da Saudade

Escravo da Saudade

Escravo da Saudade

Saudade porque você
Me judia tanto assim
Porque não ajuda esquecer
De quem esqueceu de mim
Sou escravo da saudade
Da minha paixão por ela
Eu esqueço até de mim
Mas nunca esqueço dela

Eu deito pensando nela
E a saudade me corteja
Não sei se ela pensa em mim
Em qualquer lugar que esteja
Será que em outros braços
Age com a mesma frieza
Saudade me ajude a sair
Pra sempre dessa tristeza

Quem nunca sentiu saudade
Não conhece a distância
Quanto mais o tempo passa
Saudade no peito avança
Pra essa mulher que amo
Eu não desejo vingança
Enquanto existir saudade
Ainda resta esperança

Comentários