Tem Horas

Tem Horas

Tem Horas

Tem horas que a gente ora, pede, geme e chora
Mas parece não adiantar
Tem guerras que a gente só enfrenta porque não encontra
A opção de não lutar
Têm feridas que sinceramente parece que nem o tempo
Vai conseguir curar
Tem provações que a gente só aguenta porque Deus sustenta
E nos da força pra continuar

Tem horas que o remédio é chorar pra aliviar o peito
Não é fácil sossegar a alma
Quando os olhos já não vê mais jeito
Se o coração se inquieta a esperança não mais nos alenta
Só Deus conhece o limite que a gente tem
Só ele sabe nos conduzir no deserto, como ninguém

Se as forças se esvaíram
Com as lágrimas que caíram
Não permita que o sorriso venha lhe faltar
Pra toda noite de agonia sempre existe um novo dia
Sempre brilha na aurora trazendo alegria

Comentários