Será (Eu Não Vou Parar)

Será (Eu Não Vou Parar)

(part. Lucas Silveira)

Será (Eu Não Vou Parar)

Eu não tenho do escuro
Às vezes corro, corro, corro contra o tempo
E os meus sonhos estão seguros
E levo tudo, tudo, tudo aqui dentro

Sinto o mundo girando lento
E sei que nada é mais real q esse momento
Deixo o dia entardecendo
Lembro que posso ser tão livre quanto o vento

Eu sei
Que quando a chuva lá fora cai devagar
Vou buscando aqui dentro um novo lugar
Escuto o som da cidade a respirar
Com fé e um pouco de sorte eu não vou parar

E quando amanhecer
E o dia clarear
Ainda vou te ver
Será?

Man, será que a gente tem
De sobra o que a gente tinha tanto em outro tempo?
Tem vezes que eu acho que não dá
Mas vejo nossas fotos e a história ainda tá lá

Saudade me faz olhar pra trás
E encontro em mim aquele mesmo sentimento
Esquece o agora, que já vai passar
A Terra não para e cada hora é um novo lugar
Eu sei
Que quando a chuva lá fora cai devagar
Vou buscando aqui dentro um novo lugar
Escuto o som da cidade a respirar
Com fé e um pouco de sorte eu não vou parar

E quando amanhecer
E o dia clarear (isso vai passar)
Ainda vou te ver
Será?

Eu sei
Que quando a chuva lá fora cai devagar
Vou buscando aqui dentro um novo lugar
Escuto o som da cidade a respirar
Com fé e um pouco de sorte eu não vou parar

E quando amanhecer
E o dia clarear (isso vai passar)
Ainda vou te ver
Será?

Comentários