E Aí Bateu

E Aí Bateu

(part. Gabriel o Pensador, ANALAGA)

E Aí Bateu

E aí bateu
E eu disse “demorou”
Olhei pra natureza
Até pensei que tu era flor
Quando bateu
E eu vi que cê sorriu
Do nada os “preto e branco”
Da minha vida coloriu

Ô Pensador, cê tá ligado naquela gata
Que outro dia nós trombamos perto da tua casa?
Liguei pra ela, desenvolvemos varias ideias
E na conversa me intimou pra eu colar na dela
Claro que eu fui né muleske, fazer uma preza
Ela já tinha a bomba e a cuia e eu cheguei com a erva
Então demorô linda, han, eu já naquela
E ela acendeu uma vela e sequelamo igual dois tagarelas
Surpreendentemente um sentimento às vezes se revela
o coração se descongela e a gente não amarela
E foi assim ó, até estrela a gente viu no teto e na parede
Muita sede, muito amor e muito afeto, saca?
A carne é fraca mas a força tá na alma
a noite é longa muita hora nessa calma…
aí bateu!

e quando ela sorriu eu vi
só eu e ela e ela e eu, foi só deixar fluir

E aí bateu
E eu disse “demorou”
Olhei pra natureza
Até pensei que tu era flor
Quando bateu
E eu vi que cê sorriu
Do nada os “preto e branco”
Da minha vida coloriu

Nada é por acaso, irmão, não duvida
(que) é atraso de vida fazer pouco caso
das coisas que vida te traz por acaso
que a vida tem prazo e não há tempo a perder
se a vida te trouxe uma dor não se entrega
se a vida te trouxe uma flor, então rega!
se a vida te trouxe um amor, não arrega
nem liga pras regras que vão te dizer
cada relação é de um jeito, ninguém é perfeito
então um casal não vai ser
abraça quem te quer de graça e aceita os defeitos
de quem os aceita em você
dá liberdade, ciúme é vaidade
desejo e vontade todo mundo tem
porém quando bate real a parada
não existe mais nada e não tem pra ninguém
esquece!

abre o seu mundo pra ela
joga mais tinta na tela
joga no lixo a cautela que o jogo é à vera e ignora a galera
quem tenta viver de aparência fica na sofrência e disfarça sorrindo
mas quando bateu você viu que ela riu e sentiu que o sorriso era lindo
nem perde mais tempo pensando ‘se liga no que tá sentindo
que a sorte batendo na porta e o amor repentino são sempre bem-vindos

Comentários