Fantasmas Talvez

Fantasmas Talvez

Fantasmas Talvez

Agora que eu já sei
O caminho de volta, vou ficar
Tanta coisa fiz perdida por achar habitual

Segredos esquecidos
Por serem segredos, genial
Que conversa e solução é de mais?
Agora tanto faz

Amanhã talvez os fantasmas te perturbem mais
Ou hoje até, talvez

Não cabem em função
Os amigos que fiz ou desfiz
Energia é coisa séria, tem quem soma
Tem quem suga e o equilíbrio é leve

Um passo no escuro
Um eco espelhado, surreal
Bem possivelmente, um dia
Em cheio vem, um dia, em cheio vem

Amanhã talvez os fantasmas te perturbem mais
Ou hoje até, talvez, eu caia na real, até onde foi real?
Amanhã talvez os fantasmas cobrem aquela escolha
Ou hoje até, talvez

Não tenho saudade do passado
Ocluso e distraído na minha
Inocentemente me dissemelhei e o medo me convinha

Perdidos, outros eus
Pensam bem um no outro, como eu
Num futuro, meu fantasma estende a mão
Aprendo uma lição

Amanhã talvez os fantasmas te perturbem mais
Ou hoje até, talvez, eu caia na real, até onde foi real?
Amanhã talvez os fantasmas cobrem aquela escolha
Ou hoje até, talvez, eu estenda a minha mão
Me diz se devo ou não

Amanhã talvez os fantasmas digam um segredo
Ou hoje até, talvez, não me preocupe mais
Se Deus diz tanto faz
Amanhã talvez, eu enfrente fantasmas sozinho
Ou hoje até, talvez
Amanhã talvez
Fantasmas talvez

Comentários